As epidemias nos lembram quão frágeis realmente somos







"O vírus se encontra em uma área cinzenta entre os sere vivos e os não vivos, todavia não se pode ignorará-los como atores fundamentais na história da vida"




COVID-19

O coronavírus surge em meio a uma acirrada guerra comercial entre China e EUA, esse fato não pode ser descartado em uma investigação



O vírus começou a ser notícia na China e rapidamente se espalhou pelo mundo em forma de pandemia deixando milhares de mortos e economias destroçadas.

No dantesco cenário de destruição e confinamento social, não faltou tempo para refletir nossos relacionamentos com o próximo, com o ambiente virtual, com o ambiente natural e as nossas relações morais, assim como as relações e ações responsáveis, irresponsáveis e criminosas de governos, empresários e da população em meio á pandemia.

De forma abrupta percebemos que ricos e pobres, pretos e brancos, sábios e tolos, todos eram frágeis e indefesos diante do vírus e diante da crença. Só na Itália, dezenas de padres morreram tentando consolar seus fiéis, no Vaticano, o Papa como em uma prisão domiciliar, igrejas passaram a ser templos solitários e todos voltaram seu olhar para a ciência.

Mas, qual é a verdadeira origem do vírus surgido em meio a uma acirrada guerra comercial entre China e EUA? Tudo isso em breve em COVID-19.